28 de mai de 2007

Os meu 5 livros

Fui convidada pelo meu amigo Mário , do Apoio Fraterno a dizer sobre os livros da minha cabeceira... Como não tenho consiguido terminar os dois livros que estão marcados, então resolvi dizer sobre cinco livros que marcaram a minha vida até o exato momento.

(clique nas imagens para ir direto ao link referente que explana resumidamente sobre o livro)
...
Eu já tinha lido diversos livros na escola, mas um dos livros que mais marcou a minha infância foi a minha mãe quem me deu.

Agora dá para entender de onde vem o meu nome, né?? Hehehe... Aprender o jogo do contente na infância é interessante, pois tem coisas que só com a maturidade que se ganha alguns entendimentos e com a Pollyanna se aprende valores inestimáveis.

...

Depois na minha adolescência eu adorava um livro, que nem é tão bom assim para os meus olhos de hoje... Mas não nega o meu lado romântica e adoradora por essas coisas “bobinhas”... Ainda mais na adolescência, né??

Lembro que quando terminei de ler esse livro eu chorava tanto... Que me sentia a própria Isabel! hehehe

...

Quando comecei a namorar o Eduardo, me lembro de um dos livros que ele me indicou e que ficou sendo uma das minhas referencias literárias.

Um romance maravilhoso que para quem gosta de ficção e suspense vai adorar! E como todo bom livro é surpreendente no final!

...

Muitos livros que estão na minha estante são sobre Arquitetura, Rio Antigo... Mas os livros de cabeceira que leio na sua maioria são sugeridos pelo meu marido! Hehehe... Ele sim é um adorador de livros! Principalmente os de história! Ainda tem vários para ler e confesso que sou um pouco preguiçosa para leitura. Livro para mim é igual a filmes. Se for antigo com aquele ritmo bem lento quase parando... Eu durmo na segunda página!! Hehehe. Mas eu sou insistente quando o assunto me interessa e foi numa tentativa de ler todos os livros da coleção “Plenos Pecados” que fiquei muito satisfeita com o desfecho desse livro:

Esse foi escrito pelo Zuenir Ventura e ele transcreve o pecado da Inveja de uma forma tão interessante que te faz entender que todos carregam esse pecado por mais que se negue!

...

E para finalizar um livro que eu li quando eu estava grávida da minha filhota. Uma descoberta e paixão pelo parto.

Esse foi um livro que fez me envolver cada vez mais pelo parto humanizado... Um parto sem dor... Um parto sorrindo!! Para quem está esperando um bebê... Vale a pena ler e entender por que eu e muitas mulheres somos assim... Tão ligadas nesse assunto, veja só os meus links sobre maternidade!!

Não encontrei nenhum link que descreva resumidamente sobre esse livro. Então resolvi transcrever um pequeno texto do Leboyer que fica na capa inversa do livro.

“No fim das contas, só posso dizer: ‘Experimentem’. Tudo o que foi dito aqui é simples. Apenas paciência e modéstia. Silencio. Uma atenção leve, mas sem falhas. É preciso muito amor. Peço que não condenem o método. A criança não se engana. A criança sabe de tudo. Sente tudo. Vê até o fundo do coração. O recém-nascido é como um espelho. Reflete sua imagem. Depende de vocês não fazê-lo chorar”. F. Leboyer

E os meus convidados a seguir com o Meme são:

Meire, Chris, Jonathan, Renata, Oscar

---

CREDITOS: DIG-SCRAP: Amy Knepper

Nenhum comentário: