25 de ago de 2007

Um ano de India

Como o tempo nos engana, né? Já se passou um ano que estou na Índia e sensação que eu tenho é que esse ano foi mais comprido de todos!

Aquela vida corrida que eu tinha no Brasil, diminuiu bastante... Mas graças a Deus nesse ultimo mês minha vida tem sido mais agitada me sentindo mais adaptada ao país.

Morar num país como a Índia nos faz sentir todas as emoções de uma só vez! Hehehe

Lembro-me dos primeiros dias, as novidades, as curiosidades, o calor horroroso...

Hoje tudo já se tornou normal e minha adaptação foi tamanha que adotei alguns trejeitos do povo incluindo o famoso gingado com a cabeça de lado dizendo que sim...

Antes do Rumorejo eu tinha criado uma página para contar as minhas experiências da India, no Poliane na India, e existe um relato muito engraçado quando completei um mês de India que convido a todos a lerem (aqui).

Minha falta de tempo é um reflexo de que minha vida está voltando ao ritmo que para mim é importantíssimo. Estou muito empolgada com as minhas aulas de inglês e isso me dá segurança e também abre mais as oportunidades de conhecer o que acontece no mundo.

Ser expatriada vai muito além do que eu imaginava. Além de abrir a nossa mente mostrando-nos a existência de outras culturas, outros pensamentos e outras posturas, nos mostra o quando ainda temos que aprender. Muitas vezes seguir uma mesma vida um mesmo ritmo/rotina, nos limita a viver somente aquilo que nos condicionamos e sem não nos damos conta da dimensão da vida.

Aprendi tantas coisas em somente um ano...

Na necessidade de me ocupar descobri que podia escrever além de arquitetar...

Fiz amigos que mesmo nunca ter visto seus rosto ou manias, entrelaçamos afinidades, interagimos tanto que me sinto tão socializada como se estivesse num clube tomando cerveja com meus amigos.

Meu sumiço veio como uma pausa, para uma reflexão da minha vinda pra India... E voltei para dizer que eu Rumorejo e nunca deixarei de Rumorejar...

E mesmo que eu não esteja aqui um ou dois dias ou até uma semana... o Rumorejo é de vocês!

E obrigada por rumorejarem comigo!

Nenhum comentário: